PAP de guirlanda com folhas de revistas

Publicado em

Olá pessoal, hoje vamos ver um PAP facinho para vocês irem fazendo enquanto aguardam o natal chegar!

Materiais:

  • Revistas velhas
  • Pedaços de papelão
  • 8 tampinhas de garrafa de refrigerante ou água todas do mesmo tamanho
  • Cola branca
  • tiras de qualquer tecido verde, ou em tons predominantes de verde
  • Alguns retalhos de cor vermelha
  • Restinhos de manta acrílica ou um pouco de algodão
  • 1 pedaço de fita ou barbante

2013-11-08 12.25.15 2013-11-08 13.12.53 2013-11-08 13.15.30

Vamos começar cortando dois círculos de +/- 30cm no papelão e dentro desse círculo recortar um outro de +/- 15cm de diâmetro para formar a base da guirlanda. Em seguida vamos colar um no outro.

2013-11-08 12.28.40 2013-11-08 12.36.29 2013-11-08 12.39.12

Ao colar, é importante inverter os veios do papelão conforme a foto abaixo, para dar mais firmeza à guirlanda.  Enquanto cortamos o tecido para o revestimento, deixamos as duas partes presas com pregadores para já irem colando. Cortamos uma tira de uns três dedos de largura no tecido verde. Eu tinha dois pedaços de TNT verde e vermelho de um projeto anterior que aproveitei aqui.

 2013-11-08 12.36.47 2013-11-08 12.44.24 2013-11-08 12.48.56

Começamos prendendo uma extremidade do tecido no papelão ainda com os pregadores e vamos enrolando em volta do círculo retirando os pregadores à medida que vamos avançando. Quando a tira acabar, prendemos a extremidade final no papelão e colamos o início da outra em cima, prendendo com um pregador e continuamos a revestir o círculo. Ao terminar passamos cola na extremidade, prendemos e aguardamos  a secagem.

2013-11-08 12.50.05 2013-11-08 12.53.18 2013-11-08 12.51.41 2013-11-08 12.56.04

Enquanto isso, vamos preparar as flores de papel. Vamos precisar de 8 flores para a volta toda. Para cada flor iremos usar 3 círculos recortados de folhas de revistas com +/-  12cm de diâmetro. Dobramos cada círculo ao meio três vezes, conforme as fotos abaixo.

 2013-11-08 14.21.01 2013-11-08 14.21.26 2013-11-08 14.21.55

Abrimos cada círculo e escolhemos a parte que irá ficar para a frente, viramos do outro lado e começamos a colar a pétalas, uma a uma, passando cola na metade da parte superior da pétala e enrolando-a para formar um cone. Repetimos o processo em todas as pétalas de todos os círculos até obtermos 24 unidades. Note que o lado que vai ficar colado na base tem os cones abertos (foto do meio) e o lado que vai ficar para fora é inteiriço (foto da direita)

2013-11-08 14.25.59 2013-11-08 14.26.46 2013-11-08 14.30.05

2013-11-08 14.31.07 2013-11-08 14.42.04 2013-11-08 14.42.12

Estando prontos todos os círculos vamos uní-los , de três em três, passando um pouco de cola no meio, pelo lado que tem os cones abertos, intercalando as pontas para formar a flor. Depois de todas as flores montadas, vamos colar todas elas na base revestida com o tecido verde, começando pelas quatro em posição oposta e termiando com as outras, distribuindo-as uniformemente para cobrir toda a base. Deixamos secar de um dia para o outro.

2013-11-08 13.01.01 2013-11-08 21.52.38 2013-11-08 21.58.35

Para fazer o miolo das flores vamos cortar oito círculos no tecido vermelho do tamanho suficiente para recobrir a tampinha. Usei tampinhas com 2,5cm e círculos de +/- 11cm. Pegamos um pedacinho de manta ou um chumacinho de algodão, centralizamos no círculo, passamos cola na parte plana da tampinha e colocamos em cima da manta ou algodão, seguramos nessa posição, passamos cola generosamente dentro da tampinha e vamos ajeitando e enfiando o tecido para que fique por igual, passamos mais cola nas partes que vão se sobrepor e deixamos secar.

2013-11-08 22.16.50 2013-11-08 22.18.59 2013-11-08 22.19.06 2013-11-08 22.51.48 2013-11-08 22.39.03

Depois de tudo seco, vamos colar os miolos dentro das flores e aguardar a secagem total. Colocamos uma alcinha para pendurar e está prontinha a sua guirlanda de revistas!

2013-11-08 23.16.21 2013-11-08 23.14.24

Se tiver ficado alguma dúvida, não hesite em me perguntar.

Até a próxima!

Presentes de Natal – Embalagens (cont.)

Publicado em

No post anterior vimos a confecção de uma caixinha para presente feita com revestimento de embalagem de creme de leite. O mesmo procedimento se aplica a qualquer outra caixa como as de cereais, biscoitos, remédios, creme dental, aveia, maizena, etc… Veja abaixo as caixas com uma demão de massa acrílica. As duas primeiras fotos mostram uma caixa de cereal à qual emendei alças e fecho de tetrapack:

2013-10-22 10.00.44 2013-10-22 10.01.01 2013-10-22 10.00.05

O passo a passo para confecção de todas estas caixinhas revestidas é o mesmo do post anterior. Ao usar tecidos escolha, preferivelmente, os de algodão que aceitam melhor a cola branca, caso utilize outro tipo de tecido, onde houver dobraduras com superposição, aconselho utilizar cola para pano para unir tecido com tecido. Se utilizar jornal, aconselho passar, na caixinha já revestida, uma  demão da mesma cola que usou para fixação. Isto irá proteger o jornal, não deixando soltar a tinta de impressão. Você também pode dar acabamento a todos os seus trabalhos com uma demão de termolina leitosa. As folhas de revistas são muito permeáveis e frágeis, por isto ao utilizá-las vá colando pouco a pouco, tomando cuidado para não formar bolhas e estragar seu trabalho. Com auxílio de um plástico, vá alisando a superfície colada delicadamente para retirar as ruguinhas que se formam.

2013-10-25 17.11.36 2013-10-25 17.14.06 2013-10-25 17.14.48 2013-10-25 17.12.08

Veja em seguida como fica depois de pronto. A decupagem com folhas de revista oferece infinitas possibilidades de combinação. Você pode colar a página inteira, ou ir fazendo sobreposições de imagens e textos ou ainda, recortar pedaços e criar um mosaico interessante. É uma técnica que confere muito charme à sua upciclagem!

2013-10-25 18.35.43 2013-11-01 10.57.53

Nas fotos abaixo várias caixas já upcicladas com pintura, decupagem de tecidos, revistas e jornais.

 2013-11-01 10.39.49 2013-11-01 10.46.17

A primeira foto mostra caixinhas de creme de leite, aquela feita no PAP, mais outra pintada de azul e outra de marfim e uma revestida com tecido. A segunda foto mostra uma caixinha de creme dental pintada aleatoriamente com um restinho de tintas para tecido, uma caixinha de biscoitos pintada de azul com uma decupagem tipo mosaico com folhas de revistas e as outras duas são feitas com rolinho de papel higienico recoberto com folhas de revistas.

2013-11-01 11.27.17 2013-11-01 11.27.07

As fotos acima mostram uma caixa de cereal à qual foi adicionada uma alça de tetrapack, colada e grampeada. Decupagem com recortes de revista com o assunto espetáculos. Ainda falta dar o acabamento com um fecho de velcro e aplicação de cola ou termolina.

 2013-11-01 11.29.03 2013-11-01 11.29.17

Estas fotos mostram uma caixa revestida com folha de jornal, decupada com recortes de revista com o assunto futebol. Aqui também falta o acabamento impermeabilizante e fecho.

2013-11-01 11.30.17

Para finalizar, caixa de cereal decupada com filtros de café ao natural, aguardando fecho de velcro e acabamento com cola ou termolina.

Vale mencionar que todos os amarrilhos, fitilhos e fitinhas usados nestas embalagens foram reaproveitados de antigos presentes. Como vê, pode-se upciclar quase tudo que se tem em casa.!

Se tiver qualquer dúvida, deixe um comentário e responderei o mais breve possível.

Num futuro post veremos como fazer carteiras de mão e bolsas de caixa de leite.

Aguarde!

Presentes de Natal + PAP de embalagem

Publicado em

O fim do ano está se aproximando e com ele vem a idéia de presentear os entes queridos!

Ao longo do tempo o Natal foi sendo descaracterizado pelo comércio com o intuito de aumentar suas vendas. Isto é lamentável, pois esta época deveria refletir nosso respeito e gratidão ao Criador por este universo maravilhoso do qual fazemos parte!

Entretanto, já que este hábito de presentear está enraizado em nossa cultura, que tal fazermos tudo um pouco diferente desta vez? Continuarmos dando nossos presentes ao mesmo tempo em que mostramos nosso respeito ao meio ambiente? É muito simples e chic, vamos confeccionar nossos mimos reaproveitando, upciclando, materiais que seriam descartados. Você não imagina como isto é possível? Veja abaixo algumas sugestões:

  • embalagens diferenciadas
  • agenda customizada
  • argolas de guardanapo de alumínio
  • bijuterias de PET
  • bolsas de retalhos
  • bolsas de tetrapack
  • brinquedos de tecido, PET ou papelão
  • caixinhas decoradas
  • carteiras de tetrapack
  • guirlanda de flores de papel
  • guirlanda de flores de retalhos de tecido
  • latinhas decoradas
  • luminárias de mesa
  • peso para portas de PET
  • porta pijamas feito de retalhos
  • porta trecos diversos
  • tiara e grampos customizados

Estas são apenas algumas sugestões.  Você pode e deve usar sua própria criatividade para adaptar ou inventar outras formas de upciclagem! Depois mostre-nos os resultados!

Vou mostrar um PAP de uma embalagem para presente feita de caixinhas de creme de leite.

PAP de embalagens para presente

2013-10-13 17.10.36 2013-10-16 12.17.38

Materiais:

  • Caixinhas tetrapack, neste caso, de creme de leite (podem ser outras que você tenha disponíveis, o processo é o mesmo para todas)
  • Papéis de revistas ou de presente já usados
  • Base acrílica
  • Cola branca
  • Água
  • Pedaços de fita, fitilho, elástico, botões, o que você tiver disponível para enfeitar

Materiais auxiliares:  pincel chato macio, potinho de plástico, pregadores de roupa, régua, lápis, tesoura para papel ou tecido, furador.

Execução:

Corte a parte superior da embagem de ponta a ponta. Lave muito bem com água e sabão ou detergente, por dentro e por fora. Deixe secar de um dia para o outro.
Com as mãos molde a dobradura que deseja para a caixinha, cortando-a no formato desejado, conforme fotos abaixo:

2013-10-16 11.53.01 2013-10-16 11.54.09

Agora aplique o revestimento. Meça e corte o papel conforme indicado nas imagens, com o pincel passe uma demão fina de massa acrílica na parte externa da caixinha e aguarde secagem completa.

2013-10-16 14.06.57 2013-10-16 14.08.02

2013-10-16 14.08.10  2013-10-16 14.08.53

 2013-10-16 14.09.36 2013-10-22 12.29.37

Lave bem o pincel em água corrente imediatamente após o uso. Em seguida, com o mesmo pincel, limpo, aplique uma camada uniforme de cola  (2 partes de cola misturada com 1 parte de água), em um lado de cada vez, colando o papel em cada lado, alisando bem com a mão para não ficarem bolhas de ar. Complete a colagem em toda a parte inferior da caixinha, dobrando o fundo conforme a foto. Aguarde a secagem total do papel e com a tesoura apare as sobras que ficaram. Agora é só colar um fechinho ou prender um amarrilho e está pronta uma linda embalagem. 

 2013-10-22 12.30.39 2013-10-22 12.31.04

2013-10-22 13.24.45

Estas mini caixinhas são ideais para presentear pequenas peças como bijuterias, chaveiros e outras miudezas. Com certeza irão  agregar um valor especial ao seu presente por terem sido feitas por você!

Se persistir alguma dúvida, deixe um comentário ou pode me contatar diretamente através do formulário na página “Sobre

Você pode usar o mesmo processo para revestir caixinhas com tecido, filtro de café e também pode pintá-las!

De vez em quando vou publicar um PAP para vocês irem treinando upciclagem!

Como reciclar lixo orgânico em casa

Publicado em
lixorg

Lixo Orgânico – Google image

Como já vimos, o lixo orgânico deve ser depositado em aterros sanitários, seguindo todas as normas de saneamento básico e tratamento de lixo, pois durante o processo de decomposição, que é o apodrecimento do lixo orgânico, é produzido o chorume, um líquido viscoso e de cheiro forte e desagradável. O chorume também pode causar contaminação do solo e águas dos rios, lagos e lençóis freáticos. O lixo orgânico pode servir como fonte de energia, biogás, pois em seu processo de decomposição é gerado o gás metano.

Você pode optar por reciclar o seu lixo orgânico em casa. Se você possui um quintal ou jardim, ou apenas um cantinho na varanda ou área de serviço, construa uma composteira que irá transformar o lixo em adubo para sua horta, jardim ou vasos.

A compostagem é um processo de transformação de matéria orgânica (restos de frutas, verduras, legumes, cascas de ovos, etc.) em adubo orgânico. Essa transformação é realizada pelos microorganismos presentes nos resíduos, sob condições ideais de temperatura, aeração e umidade. A compostagem é muito usada na zona rural, sendo de extrema importância para o meio ambiente e para a saúde humana.

Pode ser facilmente realizada em casa, seguindo algumas orientações técnicas básicas. Veja nos links abaixo como construir e manter uma composteira adequada ao seu espaço disponível:

Vídeo passo a passo: http://hortasdecasa.blogspot.com.br/2013/06/composteira-domestica-em-varanda-hortas.html

http://ciclovivo.com.br/noticia/dica_saiba_como_fazer_e_usar_uma_composteira_caseira

http://www.sustentavelnapratica.net/arquivos/canteirocompostavel.pdf

http://www.geota.pt/xFiles/scContentDeployer_pt/docs/articleFile140.pdf

Esta pode ser uma experiência muito interessante para você e sua família!

Coleta Seletiva de Lixo

Publicado em
coleta_seletiva_lixo

Google image

Num post anterior vimos que cada tipo de lixo tem uma forma própria de descarte. Só por curiosidade vejamos como é feito:

Pilhas, baterias comuns e de celular apresentam um grande perigo quando descartadas incorretamente, podendo contaminar o solo e lençóis freáticos prejudicando assim a agricultura e a hidrografia. Na composição dessas pilhas são encontrados metais pesados como: cádmio, chumbo, mercúrio, que são extremamente perigosos à saúde humana, podendo causar câncer e mutações genéticas. O descarte adequado das pilhas é de responsabilidade dos fabricantes ou das empresas distribuidoras. Desta forma, devem ser entregues aos estabelecimentos que as comercializam ou às assistências técnicas autorizadas, para que repassem os resíduos aos fabricantes ou importadores.

Medicamentos não devem ser descartados junto com o lixo orgânico, pois possuem substâncias químicas que podem contaminar o solo e a água. Algumas redes de farmácias possuem pontos de coleta para os medicamentos que não são mais usados ou já estão vencidos.

Lâmpadas fluorescentes também necessitam de descarte especial. Em seu interior, uma lâmpada deste tipo possui vapor de mercúrio, gás tóxico, que contamina o ar quando quebrada. Existem lojas de materiais elétricos e de construção que possuem pontos de coletas destes materiais.

Os lixos hospitalares também merecem um tratamento especial, pois costumam estar infectados com grande quantidade de vírus e bactérias. A ANVISA, Agência Nacional de Vigilância Sanitária, tem uma série de regras para que o lixo hospitalar seja descartado de forma a não contaminar o meio ambiente, nem as pessoas que manipulam o material.

Os tipos de lixo predominantes em nossas casas, em geral, são:

  • o orgânico, composto de restos de carne, cascas de ovos, frutas, verduras e outros alimentos. Este tipo de lixo é descartado em aterros sanitários ou é utilizado na fabricação de adubos orgânicos,
  • o não orgânico, composto de papéis, plásticos, metais e vidros. Existem indústrias que reutilizam estes materiais na reciclagem ou fabricação de matéria prima para refazer os mesmos produtos ou até mesmo outros produtos.

Para administrar o destino final desses rejeitos foi implementada a coleta seletiva de lixo que é um processo de triagem dos resíduos descartados por empresas e residências separando-os em lixo orgânico e lixo reciclável para posterior recolhimento e descarte.

A coleta seletiva de lixo é de extrema importância para a sociedade, gerando renda para milhões de pessoas e economia para as empresas. Além disso diminui a poluição dos solos e rios, favorecendo assim o desenvolvimento sustentável do planeta.

Upciclando sobras de refeições

Publicado em

Massinha básica

Você deve estar se perguntando “Que história é essa de upciclar sobras de refeição”?   E eu digo que faz todo o sentido, pois numa época em que a fome flagela regiões inteiras, atingindo milhões de pessoas, é um contrassenso desperdiçar alimentos! Chega a ser vergonhoso!

Segundo dados da Embrapa, só no Brasil, 26,3 milhões de toneladas de alimentos ao ano tem o lixo como destino. Desperdiçamos o equivalente a 39 mil toneladas por dia, quantidade esta suficiente para alimentar 19 milhões de brasileiros, com as três refeições básicas: café da manhã, almoço e jantar.

Não jogar alimento fora não é ser avarento e sim ser consciente com o bem estar do planeta!

Se você já se importa com isso e não descarta sobras de alimentos, parabéns, você já está dando sua contribuição ao meio ambiente. Se ainda não tem idéia de como fazê-lo, veja a seguir algumas sugestões para evitar o desperdício de alimentos em sua casa.

Todos os dias temos sobras de refeições: arroz, feijão, macarrão, legumes, verduras, carnes, churrasco, etc… O leite azedou? Não descarte. Para cada um destes itens vou dar ao menos uma sugestão de reaproveitamento fazendo uma UPCICLAGEM do alimento.

  • Arroz – risoto, bolinhos, canja
  • Feijão – tutu, sopa
  • macarrão – gratinado com creme
  • legumes e verduras – suflé, sopa
  • carnes – farofa, molho
  • churrasco – linguiças ou carnes aceboladas
  • leite azedo – doce de leite de colher, queijinho fresco caseiro

Acha difícil ou precisa de receita? Deixe um comentário ou, contate-me diretamente pelo formulário na página “Sobre

Se cada um de nós reaproveitar cuidadosamente o próprio lixo, poderemos minimizar um pouco o nosso impacto no planeta!

Embalagens de papelão descartáveis

Publicado em

Upciclagem de embalagens de papelão descartáveis através de pintura ou decupagem.

Você imagina o objeto que deseja obter e escolhe a forma de upciclagem mais adequada. Aqui estão alguns exemplos de reaproveitamento de embalagens vazias transformadas em porta trecos:

Porta trecos

Porta trecos

Estas embalagens de clips para papel foram pintadas com tinta fosca para artesanato e se transformaram em porta trecos muito úteis para organizar miudezas.

2013-10-11 12.00.51 

Este porta pincéis foi confecionado através da junção de duas embalagens de clips para papel às quais foi aplicada decupagem com imagens retiradas de revistas antigas.

Porta agulas de tricô

Porta agulas de tricô

Este porta agulhas de tricô foi confeccionado a partir de uma embalagem de papelão para um calendário de parede, à qual foi aplicada uma decupagem usando tecido não tecido e figuras retiradas de revistas antigas.

Como pode ver, objetos simples que iriam para o lixo podem se tornar atraentes peças úteis e decorativas.

Aguardem mais novidades!

%d blogueiros gostam disto: